OBJETIVOS DA SAÚDE PÚBLICA

 

Os campos da medicina preventiva e da saúde pública compartilham os objetivos de prevenir doenças específicas, promover saúde e aplicar os conceitos e técnicas de epidemiologia na consecução desses objetivos. Enquanto a medicina preventiva procura prolongar a vida dos indivíduos, ajudando-os a melhorar a sua própria saúde, a saúde pública tenta promover saúde em populações através de esforços comunitários organizados. Apesar de a medicina preventiva e a saúde pública serem discutidas de alguma forma separadamente, aqui, deve haver um contínuo sem separações entre a prática da medicina preventiva pelos médicos e outros profissionais da saúde, as tentativas de indivíduos e famílias para promover a saúde deles próprios de seus vizinhos e os esforços de governos e agências voluntárias para alcançar os mesmos objetivos de saúde.

            Ao focalizar tradicionalmente o diagnóstico e o tratamento médico das doenças, a educação médica ocidental e a prática médica têm tendido a obscurecer a importância, as bases científicas e os processos clínicos de promover a saúde global dos indivíduos. O diagnóstico e o tratamento de doenças serão sempre aspectos importantes no cuidado da saúde, mas uma crescente ênfase agora está sendo dada à prevenção e ao incremento da saúde. Existem especialistas que conduzem pesquisas, ensino e prática climática no campo da medicina preventiva, mas prevenção não é mais uma área exclusiva dos especialistas em medicina preventiva, como, por exemplo, o cuidado de idosos é limitado ao geriatras. Ao contrário, a prevenção deveria ser incorporada na prática de todos os médicos e outros profissionais da saúde.