CONCEITOS DE PRIMEIROS SOCORROS   


       Denomina-se primeiros socorros ao tratamento aplicado ao acidentado ou portador de mal súbito, antes da chegada do médico. Chama-se socorrista a pessoa que está habilitada à prática dos primeiros socorros, utilizando-se dos conhecimentos básicos e treinamentos técnicos que o capacitaram para esse desempenho.

As características básicas a um socorrista são:

  -   ter espírito de liderança;

  -   ter bom senso, compreensão, tolerância e paciência;

  -  ser um líder, na concepção da palavra;

  -  saber planejar e executar suas ações;

  -   saber promover e improvisar com segurança;

  -   ter iniciativa e atitudes firmes;

  -  ter, acima de tudo, o espírito de solidariedade humana.  

    O socorrista deve portanto priorizar o atendimento, tendo sempre em mente as situações mais críticas que exigem um pronto atendimento:  

  -  aproximar-se do local ou da vítima;

  -  avaliar as condições do ambiente;

  -  tomar providências de socorrer a vítima conforme o caso;

  -  afastar os curiosos;

  -  tomar medidas para evitar novos acidentes;

  -  avisar ao serviço público de auxílio;

  -  avaliar cuidadosamente a situação de cada vítima;

  -  prestar auxílios, posteriores, segundo a gravidade;

  -  organizar a remoção da vítima, atendendo a cada situação especificamente.    

 " Constitui  lei penal não prestar auxílio a uma pessoa em perigo, pois 

 

se abster de fazê-lo é um delito, uma falta de solidariedade humana."